É a cirurgia que realiza a substituição total do joelho. As partes dos ossos que se tocam pelo desgaste da cartilagem são recapeadas com próteses.

em 25 de agosto de 2011

O que é a artroplastia total do joelho?
 
É a cirurgia que realiza a substituição total do joelho. As partes dos ossos que se tocam pelo desgaste da cartilagem são recapeadas com próteses. Utilizando instrumentos especiais e de precisão, seu cirurgião removerá as superfícies danificadas dos ossos. Então, as superfícies substitutas (as próteses) serão fixadas no lugar.
 
A superfície do fêmur é substituída por um componente arredondado de metal que chega muito próximo de reproduzir a curvatura natural do osso. A superfície da tíbia é substituída por um componente de polietileno liso.
    
 
Como devo me preparar para uma artroplastia total de joelho?
 
Caso você e seu cirurgião decidam que uma artroplastia de joelho é a ideal para você, uma data será marcada para a cirurgia. Várias coisas podem ser necessárias para se preparar para a cirurgia, como - por exemplo - um exame clínico.
 
 
O que acontece durante a artroplastia total do joelho?
 
No dia da cirurgia, um pequeno tubo será inserido em seu braço. Este tubo será utilizado para administrar antibióticos e outros medicamentos durante a cirurgia. Então você será levado para a sala de operação para receber anestesia. Após o efeito da anestesia, seu joelho será limpo e esterilizado com uma solução especial.
 
A cirurgia começará com uma incisão no joelho que irá expor sua articulação. Quando os ossos estiverem visíveis para o cirurgião, guias especiais, instrumentos de precisão, serão usadas para remover as superfícies danificadas e modelar as pontas dos ossos para aceitarem os implantes.
 
As próteses serão então presas aos ossos. Também pode ser necessário ajustar os ligamentos ao redor do joelho para alcançar o melhor funcionamento possível da articulação. Quando o cirurgião estiver satisfeito com o encaixe e funcionamento das próteses, a incisão será fechada.
 
Um dreno especial pode ser inserido no local para permitir a saída dos fluidos que naturalmente se desenvolvem na região da cirurgia. Uma bandagem estéril será aplicada e você será levado à sala de recuperação, onde será monitorado. Sua cirurgia provavelmente durará entre duas e três horas, dependendo de circunstâncias individuais.
 
Como estarei após passar o efeito da anestesia?
 
Após passar o efeito da anestesia, você começará a recobrar a consciência lentamente. Uma enfermeira ficará com você e poderá encorajá-lo a tossir ou respirar fundo para limpar seus pulmões. Você também receberá medicamentos para a dor. Quando você estiver totalmente acordado, será levado para seu quarto no hospital. Seu joelho ficará inchado e sensível por alguns dias.
 
O que devo esperar após uma artroplastia total de joelho?
 
Quando você voltar ao seu quarto, os cuidados continuarão. Você iniciará um programa de reabilitação que irá ajudá-lo a recuperar força, equilíbrio e movimentos. Seu programa deverá ser preparado especificamente para você. Poderá incluir uma bomba, que irá inflar e desinflar estimulando a circulação de sua perna para ajudar a reduzir os riscos de trombose venosa profunda.
 
Será recomendado para você o uso de meias elásticas, que também auxiliam na prevenção de problemas circulatórios nos membros inferiores. Estas meias devem ser usadas 24 horas por dia, podendo tirar apenas para o banho.
 
E a cicatriz cirúrgica?
 
Após a cirurgia, aplicarão um curativo com fitas porosas antialergênicas, que deverão permanecer o maior período possível, para que a cicatrização ocorra mais facilmente. Este curativo deverá ser substituído em cada reavaliação do médico. No banho, você deverá lavar este curativo com água corrente.
 
Você deve se esforçar para manter os joelhos bem esticados após a cirurgia, evitando o uso freqüente de travesseiro embaixo dos joelhos. Você deve, porém, evitar nos primeiros dias movimentos bruscos ou intensos para dobrar o joelho. Algumas vezes, estes esforços podem permitir que a cicatriz se abra em alguns pontos.
 
Você deve comunicar qualquer secreção, aumento de temperatura ou vermelhidão no local da cicatriz.
Medição do ângulo de extensão do joelho. Veja como ficam as fitas porosas (curativo).
 
Medição do ângulo de extensão do joelho. Veja como ficam as fitas porosas (curativo).
 
Quando começa a fisioterapia?
 
Um fisioterapeuta irá ajudá-lo a fazer os exercícios adequados. Você provavelmente será solicitado a ficar em pé 24 horas após a cirurgia. Dentro das 24 horas seguintes, você provavelmente começará a andar alguns passos de cada vez com a ajuda de um andador ou de um par de muletas. Você receberá alta assim que seu cirurgião determinar que você se recuperou o suficiente. Você ficará no hospital por três ou quatro dias após a cirurgia, se tudo correr bem. Você deve dar continuidade com a fisioterapia em casa até o retorno ao médico. Seu fisioterapeuta irá instruí-lo sobre os cuidados adequados e deverá continuar a trabalhar com você.
 
Quando posso retornar às atividades normais após a cirurgia?
 
Dentro de 6 semanas após a cirurgia, a maioria dos pacientes consegue andar, muitos deles até sem o auxílio de uma bengala. Você provavelmente se sentirá bem o suficiente para dirigir um carro dentro de 7 a 8 semanas após a cirurgia.
 
Na maior parte dos casos, a substituição da articulação bem-sucedida irá aliviar sua dor e limitação dos movimentos e permitirá que você retome muitas de suas atividades diárias. Entretanto, mesmo após sua recuperação total, ainda haverá restrições. Atividades diárias normais não incluem esportes de contato ou atividades que forcem excessivamente seu joelho. Embora sua articulação artificial possa ser substituída no caso de desgaste, um segundo implante raramente é tão eficiente quanto o primeiro.
 
Quanto tempo durará a prótese do joelho?
 
A longevidade de uma prótese de joelho varia de um paciente para outro. Depende de muitos fatores, como a condição física do paciente, o nível de atividade realizada, o peso e a exatidão do posicionamento da prótese durante a cirurgia. É bom ter em mente que articulações protéticas não são tão fortes ou duráveis quanto uma natural saudável e não há garantias de que irá durar por toda a vida do paciente.
 
Muitos pacientes referem alívio e melhora na função, comparado com seu quadro antes da cirurgia. Como resultado, alguns pacientes têm uma expectativa irreal acerca do que a prótese do joelho pode fazer e de quanta atividade pode tolerar. Como em muitas articulações mecânicas, os componentes do joelho se movem uns contra os outros. O fluido natural no espaço da articulação, chamado líquido sinovial, ajuda a lubrificar as próteses assim como lubrifica os ossos e cartilagem na articulação natural. Apesar disso, os componentes protéticos tendem a se desgastar à medida que rodam e deslizam uns contra os outros durante o movimento. Assim como pneus e pastilhas de freio, a taxa de desgaste depende parcialmente do modo como o joelho é utilizado.
 
Atividades que proporcionam muito desgaste nas próteses, como pode ser o caso de pacientes mais obesos e mais ativos, podem reduzir a vida útil da prótese. O afrouxamento e desgaste das partes plásticas do implante podem levar à necessidade de cirurgia de revisão para substituir apenas os componentes gastos, ou todos eles. Seu médico é a pessoa mais indicada para discutir estas questões com você, levando em conta suas circunstâncias clínicas pessoais, o tipo de implantes utilizados e seu estilo de vida pós-cirurgia.